VISUALIZAÇÕES!

CURTIR CELEBRATED NEWS NO FACEBOOK!

CELEBRATED NEWS - ÚLTIMAS NOTÍCIAS

sábado, 31 de dezembro de 2016

FAMÍLIA DE DEBBIE REYNOLDS E CARRIE FISHER PLANEJA FUNERAL CONJUNTO

As atrizes Debbie Reynolds e Carrie Fisher, mãe e filha, que morreram com 1 dia de diferença (Foto: Foto AP/Jill Connelly)

A família das atrizes Debbie Reynolds e Carrie Fisher, mãe e filha que morreram com um dia de diferença, planeja um funeral conjunto. Debbie ficou conhecida por ser protagonista do filme "Cantando na Chuva" (1952) e Carrie, mundialmente famosa pelo papel da Princesa Leia na saga "Star Wars".

"É minha preferência", afirmou Todd Fisher, filho de Debbie e irmão de Carrie, à revista "People". "Obviamente não está definido, mas me parece uma grande ideia levando em conta a bela história que houve entre elas", completou.

A intenção dos familiares é preparar um funeral pequeno e privado, que ainda não tem data nem lugar para ocorrer, antes da realização de uma cerimônia maior, segundo o site TMZ.

Carrie Fisher, a Princesa Leia de "Star Wars", morreu na terça-feira (27) em Los Angeles, aos 60 anos, após sofrer um ataque cardíaco quatro dias antes, durante um voo de Londres para a cidade, pouco antes de a aeronave aterrizar.

A atriz estava em Londres para a gravação de sua participação na série "Catastrophe". Ela também divulgava seu oitavo livro, "Memórias da princesa: Os diários de Carrie Fisher".

Sua mãe, Debbie Reynolds, a protagonista de "Cantando na Chuva" (1952), morreu aos 84 anos na quarta-feira (28), na mesma cidade, após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

A carreira de Debbie Reynolds como atriz e dançarina foi marcada pelo musical "Cantando na Chuva", de 1952, com Gene Kelly e Donald O'Connor. Ela também atuou nos fimes "Será que ele é?" (1997) e "O Guarda-costas" (1992), entre outros, e em séries como "Uma família da pesada" (2008) e "Will & Grace" (1999-2006).

Debbie foi indicada ao Oscar de 1965 por "Inconquistável Molly", ganhou uma estrela na Calçada da Fama de Hollywood em 1997 e, em 2016, a Academia lhe concedeu o prêmio humanitário Jean Hersholt. Ela também foi indicada cinco vezes ao Globo de Ouro (1951, 1957, 1965, 1970 e 1997) e uma vez ao Emmy (2000) e ganhou diversos prêmios de menor expressão.

AUTOR: EFE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

IMPORTANTE

Todos os comentários postados neste Blog passam por moderação. Por este critério, os comentários podem ser liberados, bloqueados ou excluídos. O 'CELEBRATED NEWS' descartará automaticamente os textos recebidos que contenham ataques pessoais, difamação, calúnia, ameaça, discriminação e demais crimes previstos em lei. GUGU

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

ME SIGA NO TWITTER!